Benefícios do Chá Preto

Apesar dos espantosos be­nefícios para a saúde do chá verde, é o chá preto que é mais bebido. Embora o chá preto não tenha provavel­mente os polifenóis que tornam o chá verde tão útil à saúde, possui outros antioxidantes que podem evitar várias doenças.


Há estudos que provam que o chá preto aju­da a combater tanto o cancro como a doença cardíaca. Num estudo recente com ratos geneti­camente vulneráveis ao cancro do pulmão, veri­ficou-se que 76% daqueles a quem foi dada água vieram a ter tumores, comparados com 39% da­queles a quem se deu chá preto. Noutro estudo, este abrangendo mais de 35 000 mulheres ame­ricanas pós-menopausa, as que bebiam duas ou mais chávenas de chá diariamente tinham uma probabilidade 60% menor de vir a ter cancro dos rins e da bexiga e 32% menos probabilidade de ter cancro do tracto di­gestivo. Um estudo feito na Califórnia sugere tam­bém uma menor incidên­cia de cancro do pâncreas entre os mais idosos que bebem chá.


O chá preto pode tam­bém proteger da doença cardíaca. Num estudo ho­landês, os homens cujas dietas eram ricas em fla­vonóides (um tipo de an­tioxidante) presentes no chá (e no vinho tinto) ti­nham só metade da pro­babilidade de vir a sofrer de doença cardíaca. E estes mesmos homens que bebiam mais de 4 chávenas de chá preto por dia tinham cerca de 70% menos enfartes do que os que bebiam menos chá. Outras pesqui­sas sugerem que o chá preto pode proteger o colesterol LDL dos radicais livres, tal como faz o chá verde.

Portanto, se gostar de chá preto, beba-o. E se o preferir com leite, também é óptimo. Embora o leite possa tornar os antioxidantes do chá me­nos acessíveis ao organismo, a adição do leite torna o chá menos agressivo para o estômago e também compensa a tendência do chá para reduzir a absorção de ferro pelo organismo (is­to só interessa se tomar chá às refeições). Acres­centar limão tem um efeito semelhante na ab­sorção do ferro.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*